Notícias!!

sexta-feira, maio 09, 2008

Tração lombar.


fig 1-
vejam nestas fotos como a tração lombar melhora e diminui a compressão na hérnia de disco.
achei interessante para mostrar para algumas pessoas que ainda possuem dúvida.Na fig 1 mostra a imagem em RMN, antes do precedimento tracional.Na fig 2 mostra a imagem em RMN durante a tração lombar, notem que o canal vertebral está mais alargado, os ligamentos longitudinal posterior e amarelo estão mais tensionados pela tração isto diminui a invaginação para dentro do canal. Pesquisas apontam uma preferência pela tração vertebral intermitente ao invés da contínua , isto tem diminuido o efeito que muitos paciente relatavam que na tração contínua ao retirar a tração em alguns casos a dor aumentava momentaneamente , isto se dava ao fato do aumento da hidratação do disco durante o procedimento, em outras palavras é o aumento do volume discal em virtude da dimuição da carga, ao soltar a tração haveria uma maior compressão discal.Se algum colega tiver alguma experiência neste tipo de tração, agradeceria comentário.


fig 2.

4 comentários:

Rosangela Viana disse...

Ola Ricardo
Me chamo Rosangela e com um Coreano, o Acunputurista e Prof. Jae Won.
Ele trouxe da Coreia um aparelho que faz extamente isso que voce mostrou nas figuras. O aparelho chama se Airtrac e e' muito eficaz no tratamento e "cura" das famosas hernias de disco, entre outros problemas como inflamacoes nos nervos, nervo ciativo, etc.
Se posso lhe enviar um email, explicando melhor e com a apresentacao clinica diagnostica do Airtrac.
Outra coisa Ricardo, o Airtrac e registrado na Anvisa e liberado pelo Ministerio da Saude e possui todo trabalho cientifico.
Por favor contate-nos.
Enfª. Rosangela Viana
MEDZEN
11 3242-0621
medzen.airtrac@hotmail.com

Centro Médico da Coluna Vertebral disse...

Meus Caros, os exames de imagens apresentados mostram cortes em diferentes níveis. Não há prova de regressão de hérnia. De fato, já está estabelecido que estas trações não possuem qualquer efeito sobre isto. Não se pode tratar hérnias com tração. Alegar isto é dizer algo falso. Além do mais, as alegativas de que este tratamento pode evitar cirurgias quando bem indicacas é falacioso. Diante das corretas indicações de cirurgias, somente as cirurgias resolvem. A ignorância deste processo pode dar um impressão falsa da realidade, levando a estas proposições errôneas que tanto tenho condenado. As mesas de tração não merecem se incuidas em quelaquer protocolo sério de tratamento de problemas da coluna. Quanto às macas de auxílio a flexão-distração a situação pode ser diversa, mas seu uso também está sendo feito sem conhecimento global do problema das doenças degenerativas discais. Acho que estou malhando em ferro frio, mas tenho que dizer isto, para informação aos que fazem isto com boa-fé e como alerta para aqueles que estão fazendo isto com má-fé, o que é uma pena.


Dr Henrique da Mota, MD
Ortopedia e Cirurgia da Coluna

Ricardo Sena disse...

Concordo que está em diferentes níveis, nos cortes transversais. Mas isto não diminue não imacula o efeito da tração intermitente....É só fazermos um reflexão
fixamos a coluna tóraco -lombar com um cinto e tracionamos a região inferior lombo-sacral com uma carga em torno de 40%, o que se espera....até uma criança sabe, que é no mínimo uma distenção das estruturas músculos ligamentares, reduzindo a pressão intra disco,nem seria necessário tanta separação óssea.... quanto a isto acho que está bem claro?.O correto é que sua equipe ja que está tão interessada realize vcs mesmo um protocolo de teste de tração na presença de fisioterapêutas renomados no PAÍS, COM AUXÍLIO DE rmn E DINAMÔMETRO,Fisioterapêutas utilizam sim a tração e não é de má fé,ao invés de criticarem, apenas por criticarem poderiam apresentar algo mais concreto, pois nossos paciente apresentam resultados inegavelmente, se há um processo inflamatório como bem descreveu em sua análise de progressão da inflmação que é resultado de uma sobrecarga...então a diminuição da sobrecarga de forma alternada parece ser factível, entretanto ha que se respeitar a fase hiperaguda da doneça, onde tudo doi.Mas entrando na fase sub aguda e os procedimento não provocam dor, não há contraindicação.As dores resistentes são resultados não só de inflamação mas sim aumento da pressão/tensão, pois bastaria medicamentos AIH e AINH, para melhora do problema mas isto nem sempre acontece.O que percebemos que os paciente melhoram com nosso procedimentos.

Ricardo Sena
Fisioterapêuta.

Centro Médico da Coluna Vertebral disse...

Caro Ricardo,

Você já teve a curiosidade de ler os trabalhos do Alf Nachenson sobre as pressões discais. Já percebeu que o estudo seminal destas técnicas de tração se baseou em um estudo sem nenuma expressão científica, com análise de apenas três pacientes. Está em dia com o estudos do Dr Wilke da Universidade de Ulm? Estivemos com ele recentemente e vimos seus estudos sobre biomecânica experimental. Nada que você pensa é verdade, meu caro.

Aprofunde seus estudos. Não se baseie nessas preconcepções falsas.

Henrique da Mota